Roubaram meu carro. E agora,o que fazer?

Ninguém quer passar por isso, mas infelizmente imprevistos podem acontecer. Se você nunca teve o carro roubado, provavelmente ficará perdido e não saberá o que fazer nessa situação.

Mas calma, se você tem um seguro auto só precisa seguir alguns passos para resolver o problema. Antes de qualquer coisa, faça um Boletim de Ocorrência na delegacia mais próxima ou registre o acontecimento através do serviço online disponibilizado pela Polícia Civil, no site da Secretaria de Segurança Pública.

Não esqueça que você deve informar também se algum objeto pessoal ou documento foi roubado junto com o veículo, então confira todos os seus pertences antes de registrar a ocorrência.

Em seguida, comunique o sinistro ao seu corretor ou à seguradora. Caso prefira entrar em contato diretamente com a seguradora, é possível fazer isso por meio dos canais de atendimento ou até realizar o aviso de sinistro pelo site, quando esta opção for disponibilizada pela empresa.

Roubaram meu carro, e agora

A Sompo Seguros oferece aos clientes as duas alternativas:

Central de atendimento (para sinistro ou serviços de assistência):

Grande São Paulo: 3156-2990

Demais Localidades: 0800 77 19 119

Se preferir, faça o aviso de sinistro pelo site.

É importante ressaltar que o aviso de sinistro pela Central de Atendimento somente poderá ser realizado pelo segurado, condutor do veículo segurado ou pelo corretor de seguros.

Este processo é bastante simples e os documentos necessários para abrir um sinistro podem ser consultados aqui.

Resumidamente, você precisa informar seus dados pessoais (nome, RG, CPF, nº da carteira de habilitação, endereço, telefone e email), os dados do automóvel roubado (placa, marca, modelo e ano), o número da apólice e o BO.

Feito! Você já fez a sua parte, agora a seguradora fará a dela e entrará em contato quando tiver novidades ou se precisar de mais informações.

--

Ainda ficou alguma dúvida sobre como agir se caso roubarem seu carro? Compartilhe com a gente nos comentários!

New Call-to-action

Compartilhe:

Para mais informações, navegue pelas editorias ao lado.