O que é o segurês?

Se você já saiu de alguma reunião com seu corretor sem entender metade das coisas que ele explicou e com a sensação de que ele falava outra língua... Ou mesmo se você já tem algum tipo de seguro e sempre se depara com expressões como sinistro, franquia, indenização, sem saber ao certo o que elas significam... Não se preocupe, você não está sozinho!

Os termos técnicos usados por seguradoras e corretoras, por vezes, pode mesmo parecer outro idioma, o segurês. Por isso, separamos aqui o significado das palavras mais usadas pelos corretores, assim você estará sempre por dentro dos assuntos relacionados ao seu seguro.

Apólice
Documento emitido pela seguradora afirmando a aceitação do risco apresentado pelo segurado. Ela contém os dados do segurado, seus bens e coberturas contratadas, além da proposta de seguro, condições gerais e particulares que identificam o risco e possíveis modificações durante a vigência do seguro.

Assistência
Serviços emergenciais que alguns seguros oferecem, como: ambulância, assistência técnica, chaveiros, carro reserva, guincho etc.

Beneficiário
Pessoa que detém legalmente o direito à indenização.

Bônus
Desconto progressivo que o segurado pode ganhar na renovação da apólice. Quanto menos sinistros, reclamações ou multas, menor o preço que ele pagará na renovação.

Capital Segurado
É o valor máximo de indenização que o segurado pode receber em caso de sinistro.

Carência
Prazo em que o segurador não tem direito aos benefícios do seguro.

Cobertura
Garantia de indenização ao segurado, ou aos seus beneficiários, do prejuízo causado em ocorrências previstas no contrato de seguro.

Dolo
Intenção de prejudicar ou fraudar, considerado crime, seja por ação, omissão ou consentimento.

Franquia
Valor ou percentual dos prejuízos de um sinistro coberto, definido na apólice de seguro, pelo qual o segurado responde. É o valor da participação do segurado nos prejuízos e somente após o seu pagamento a seguradora poderá agir.

Indenização
Valor que a seguradora deve pagar ao segurado, beneficiário ou terceiro quando ocorre um sinistro coberto pelo contrato de seguro.

Perda Parcial
Acontece quando os prejuízos indenizáveis não ultrapassarem 75% do valor determinado para o bem segurado.

Perda Total
Acontece quando o valor dos prejuízos indenizáveis atinge ou ultrapassa 75% do bem segurado, tornando sua recuperação impossível ou inviável.

Responsabilidade Civil
Seguro que reembolsa prejuízos ou danos causados pelo segurado a terceiros.

Sinistro
É quando acontece algum evento previsto e coberto na apólice de seguro, causando danos materiais ou pessoais ao segurado ou a seus beneficiários. Pode ser um roubo, furto, acidente, incêndio, entre outros.

Esperamos que essas “traduções” te ajudem na hora de conversar com seu corretor e entender melhor a sua apólice. E se você ainda tiver dúvidas ou quiser saber mais sobre os tipos existentes de seguro, deixe um comentário aí embaixo!

New Call-to-action

Compartilhe:

Para mais informações, navegue pelas editorias ao lado.