História do Outubro Rosa: a origem do movimento no Brasil e no mundo

Em todo o mundo, o mês de outubro representa a campanha de conscientização da prevenção e do diagnóstico do câncer de mama, conhecido como Outubro Rosa.

Sob a cor rosa, diversos monumentos e grandes construções são iluminados com a finalidade de despertar a importância do autoexame e informar sobre as grandes chances de vencer a doença quando detectada no início.

A história do Outubro Rosa começou na última década do século 20, quando o laço cor-de-rosa foi lançado pela Fundação Susan G. Komen for the Cure e distribuído aos participantes da primeira Corrida pela Cura, realizada em Nova York, em 1990.

Em 1997, algumas cidades do Estados Unidos começaram a colocar em prática diversas ações voltadas a prevenção do câncer de mama, principalmente sobre a conscientização da prevenção pelo diagnóstico precoce.

Laços rosas começaram a surgir em corridas, desfiles de moda com modelos que combateram o câncer de mama, entre outras.

E no Brasil, qual a história do Outubro Rosa?

História Outubro Rosa - laço rosa que é símbolo do movimento

A primeira iniciativa vista em relação ao Outubro Rosa foi a iluminação do Monumento-Mausoléu do Soldado Constitucionalista (mais conhecido como o Obelisco do Ibirapuera) com a cor rosa, situado na cidade de São Paulo, em 2 de outubro de 2002.

Essa iniciativa foi de um grupo de mulheres simpatizantes com a causa do câncer de mama. 

Mundialmente, o Brasil é conhecido pelo seu maior símbolo, a estátua do Cristo Redentor no Rio de Janeiro (RJ). Em 2008, pela primeira vez, o Cristo ficou iluminado na cor do Outubro Rosa.

--

Gostou da história? Então aproveite e confira nosso post com dicas para reduzir o risco de câncer de mama.

Aqui no portal da Sompo Seguros, durante o mês de outubro, divulgaremos diversos artigos relacionados ao câncer de mama. Para saber mais, conheça o portal do projeto Outubro Rosa.

Compartilhe:

Para mais informações, navegue pelas editorias ao lado.