É melhor prevenir: confira quais são as redes de proteção adequadas para seus pets

Ter um animal de estimação é muito gratificante, porém traz muita responsabilidade. Mantê-los em segurança para seus donos e a segurança com as instalações da casa é uma delas.

As redes de proteção, por exemplo, são altamente recomendadas para quem tem animais domésticos. Separamos algumas dicas sobre qual é a melhor rede de proteção para o seu pet.

Tipo de rede:

Para quem tem gato, cachorro e passarinhos, as melhores redes são as produzidas de Polietileno –feitas a partir de material plástico - ou Poliamida – com nylon em sua composição. Ambas são muito resistentes, chegando a suportar até 500kg.

Contudo, é importante lembrar que para garantir a resistência da rede de proteção, a limpeza deve ser feita regularmente, apenas com um pano molhado, evitando o uso de produtos que possam causar corrosão.

Onde instalar?

Para quem é dono de cachorros, além das janelas, portas e varandas, a piscina é um lugar muito e importante para se proteger com telas!

Para os gatos, todo e qualquer lugar em que o bichano possa cair de alturas muito altas ou fugir de casa é importante ser protegido.

Atenção com a distância entre as malhas!

As redes com 5 centímetros de abertura são indicadas para os nossos amigos felinos adultos. Já para os filhotes (ou adultos que costumam roer fios), recomenda-se as telas com 3 centímetro de abertura.

E a instalação?

A instalação das redes de proteção para gatos é bem diferente do sistema utilizado para humanos. Os ganchos, por exemplo – que dão sustentação à rede – têm que ter no máximo 20 centímetros de distância, enquanto para humanos a distância pode ser de até 40 centímetros.

E lembre-se: se precisar instalar uma rede de proteção, procure sempre um profissional especializado!

Compartilhe:

Para mais informações, navegue pelas editorias ao lado.