Conheça as coberturas do seguro do seu condomínio

O que você sabe: seu condomínio tem seguro. Ufa, que bom!
O que você não sabe: o que está coberto no seguro do seu condomínio. Hã?

Essas informações são muito importantes, certo? Afinal, não queremos que você deixe de usar os benefícios do seguro do condomínio por simplesmente desconhecer a existência deles, ou que acredite que o seguro de seu prédio possui alguma cobertura que não está prevista na apólice.

O seguro condomínio é um seguro obrigatório por lei, que visa cobrir os danos que o condomínio e suas unidades autônomas (ou seja, apartamentos) possam sofrer em decorrência de riscos cobertos no seguro contratado.

Então quer dizer que seu apartamento está segurado?
Em partes: vale ressaltar que as coberturas do seguro condomínio não se estendem aos bens dentro da residência dos condôminos e eventuais alterações na estrutura original do apartamento. É possível contratar coberturas específicas para isso, mas vale checar com seu síndico se onde você mora você conta ou não com estes opcionais, como por exemplo:

  • Incêndio / Explosão / Queda de Aeronaves / Fumaça – Condôminos
  • Roubo / Furto Qualificado – Condôminos
  • Pagamento De Aluguel - Condôminos

Outro detalhe que você precisa saber sobre o seguro condomínio é que há um Limite Máximo de Indenização, que é estipulado na apólice. A responsabilidade de contratação é do síndico, mas deve ser aprovado em assembleia por você e todos os condôminos. Sabe por quê? Porque, em caso de eventual sinistro o valor estipulado no Limite Máximo de Indenização, se mal dimensionado, pode ser insuficiente.

Vamos exemplificar: imagine que houve um sinistro de incêndio que destruiu seu condomínio. Calma! Se foi contratado o Limite Máximo de Indenização com o valor correto, não tem com o que se preocupar. Para estipular quanto será pago a cada condômino, sua seguradora fará o levantamento dos prejuízos e, se estiver dentro da cobertura contratada, a indenização será efetuada de acordo com a fração que cada apartamento possui em relação ao total estipulado na apólice.

Viu porque é importante você saber se o seu seguro condomínio está sendo contratado corretamente?

Agora, se seu condomínio já tem seguro, por que contratar o seguro residencial?

Vamos pensar naquele exemplo do incêndio novamente. O seguro condomínio do seu prédio irá garantir somente a estrutura original da sua unidade, já o seguro residencial você vai garantir a recomposição dos seus bens atingidos e o apartamento restabelecido.

De quebra, com o seguro residencial você ainda poderá contar com os serviços de assistência 24 horas e outras coberturas adicionais. Interessante, não?

Bem, então, bata um papo com um corretor de confiança e descubra quais são as melhores opções para você. ;-)

Compartilhe:

Para mais informações, navegue pelas editorias ao lado.